Eu agradeço

“Por obséquio”. Esta expressão, que hoje quase ninguém mais usa, resume, na minha visão, o espírito de uma época. Cresci ouvindo as pessoas utilizando-a para pedir uma informação, solicitar um favor, pedir licença, ou seja, era uma maneira socialmente estabelecida de iniciar contato com alguém. Era considerado mal-educado o indivíduo que abordasse alguém de maneira […]

O REPUBLICANO E O RABO-DE-TATU

Meu pai tinha em casa, pendurados atrás da porta, dois instrumentos dissuaditórios, os quais sempre eram lembrados em situações de crise. Um era o “republicano”, uma barra de ferro cilíndrica, coberta de couro, com um laço para empunhadura, que seria usada no caso de alguém invadir a casa, o que, evidentemente, nunca aconteceu. O outro […]

Hábitos são difíceis de mudar

Em 1967 o francês Claude François compôs “Comme d’habbitude”, uma canção simples, falando de fatos do dia a dia, aquelas coisas que preenchem o nosso cotidiano, a repetição de atos banais, os quais fazemos e refazemos constantemente, aquilo que chamamos de hábitos. A letra da música de François trata da relação entre um homem e […]

Nasci no século errado

Costumo fazer uma brincadeira com as alunas que vêm para a aula com aqueles jeans rasgados, muitos deles parecendo que foram tirados direto de uma lata de lixo (pensando bem, ninguém mais usas latas de lixo, agora tudo vai dentro de sacos plásticos, o que facilita a ação dos cães vadios, os antigos vira-latas, a […]

Pertencimento

Ofilósofo francês Michel Maffesoli, um dos grandes nomes da atualidade na pesquisa sobre o comportamento humano, diz que na pós-modernidade, ou seja, o tempo que estamos vivendo, as pessoas cada vez mais se unem umas às outras com o objetivo de fruir as mesmas coisas. Fruição, de acordo com ele, é o desfrutar de gostos […]

A vida com trilha sonora

Meu primeiro beijo romântico teve todos os ingredientes de um bom filme do gênero. Aconteceu em uma festa de aniversário, não lembro mais de quem era, e eu estava com uma namorada nova. Era uma noite de verão, lua cheia, daquelas luas que parecem de cinema, redonda, enorme, brilhante, que iluminava a sacada onde estávamos. […]

Drogas? Tô fora!

Ainda adolescente, lembro de estar um dia em um encontro do qual participavam os amigos que cresceram juntos, ou seja, a minha turma, e alguns caras de uma rua próxima, conhecidos, mas que não faziam parte do grupo mais chegado, a “patota”, como era chamada à época. Lá pelas tantas, como de praxe, alguém da […]

Uma cidade e seu rio

Não nasci em Tubarão. Vim de longe, de uma cidade que, como aqui, fica à beira de um rio. Nasci e cresci em Porto Alegre. Sou um entre milhares de outros, aqui chegados por diferentes razões. A convite, em busca de trabalho, por causa de um amor, para mudar de ares, são muitos os motivos […]

Os sete pecados capitais

Apesar do crescimento de diversas religiões no Brasil nas últimas décadas, o país ainda é predominantemente católico. E quem é seguidor do catolicismo conhece os chamados sete pecados capitais. Foram definidos pela Igreja Católica no fim do século 6º, por decisão do papa Gregório Magno, como “as atitudes humanas contrárias às leis divinas”. São eles: […]

Divergência de ideias, civilidade no debate

O juiz Sérgio Moro, que está à frente do processo de julgamento dos envolvidos na Operação Lava Jato, participou no último sábado, dia 13, de um evento em Londres, organizado por brasileiros que estudam em universidade britânicas, o Brazil Forum UK 2017. Moro participou de um debate do qual também fazia parte o ex-ministro de […]