Assaltante que fez mãe e filha reféns é preso pela Polícia Civil

Assaltante que fez mãe e filha reféns é preso pela Polícia Civil

Criciúma

Policiais civis da Divisão de Investigação Criminal (DIC) e da 1ª Delegacia de Polícia de Criciúma prendaram um jovem, de 21 anos, por um crime ocorrido bairro Comerciário, por volta de duas semanas atrás, quando mãe e filha, de 14 anos, foram rendidas dentro do carro por criminosos com arma de fogo.

Eles obrigaram que elas ficassem no veículo e rodaram pelas ruas de Criciúma por aproximadamente trinta minutos com constantes ameaças. Posteriormente, foram abandonadas em uma zona rural. Além do veículo, os criminosos levaram joias, dinheiro e aparelhos celulares. O carro e alguns objetos foram recuperados e restituídos.

Após investigação, a Polícia Civil apontou a suposta autoria e o Poder Judiciário, a pedido do Delegado de Polícia, determinou a prisão preventiva. O Ministério Público se manifestou a favor da medida. A operação ocorreu nesse sábado (15), na região central da cidade.

“As investigações demonstram a efetiva participação do investigado no crime. Ele já possui condenação anterior em Criciúma também por roubo majorado, além de possuir outros registros policiais. A pena para o delito apurado pode alcançar até quinze anos de reclusão”, explica o delegado Yuri Miqueluzzi, da Divisão de Roubos da DIC. O preso foi encaminhado ao Presídio Santa Augusta, onde permanecerá custodiado.

Os trabalhos de investigação foram realizados em conjunto pela DIC e 1ª DP de Criciúma, com apoios da 2ª DP, Delegacia da Mulher, Central de Plantão Policial e do Serviço Aeropolicial (Saer).

 

Fonte: Sul In Foco