Colégio Dehon celebra 70 anos com Missa de Ação de Graças

Colégio Dehon celebra 70 anos com Missa de Ação de Graças

Tubarão

Desde o dia 1° de março de 1947, o colégio Dehon, antes conhecido como Ginásio Sagrado Coração de Jesus, pauta-se na humanização como principal ingrediente para o desenvolvimento de cidadãos engajados na construção de um mundo melhor. Hoje, com mais de dois mil alunos matriculados, a unidade escolar comemora seus 70 anos de contribuição ao município de Tubarão por meio da educação. Em alusão à data, neste sábado será realizada uma Missa de Ação de Graças na Catedral Diocesana.

Considerado um dos maiores do Estado, o Dehon oferece desde a educação infantil em horário integral até o pré-vestibular. No ensino médio, além dos Terapeutas da Alegria, há projetos relacionados à arte, à culinária, à música, à dança, ao esporte, intercâmbios, viagens, entre outros.

O diretor José Antônio Matiolla acredita que os idealizadores criaram a proposta para atender a necessidade daquele momento, mas não imaginavam que se tornaria um colégio inserido no contexto de uma universidade. “Fazer parte destes 70 anos é olhar para traz com gratidão por todos aqueles que apostaram, sendo professores, funcionários, alunos, pais e comunidade”, destaca.

 

Como tudo começou
As primeiras aulas aconteceram no dia 1º de março de 1947, mesmo em meio às obras. A educação com alto padrão de ensino virara realidade. A demanda pelo 2º Ciclo de estudos (atual Ensino Médio) fez com que fosse incluído em 1957, alterando o nome de Ginásio SCJ para Colégio Dehon, homenagem ao fundador da Congregação dos Padres Sagrado Coração de Jesus, padre Leão João Dehon. Em 1971, a Fundação Educacional do Sul de Santa Catarina (Fessc), atual Unisul, adquire o patrimônio do Colégio e passa a primar também pela educação básica. Em 1974, pelo fatídico da enchente, o Colégio Dehon cedeu espaço físico para uma escola particular que atendia do pré-escolar até o 4ª ano. Em 1976 a escola particular foi incorporada e o Dehon inaugurou nova ala abrigando o ensino infantil e fundamental. Em 1979, formando parceria com outras instituições, adota apostilas de pré-vestibular. Apesar do cenário de crise, nos últimos cinco anos o Colégio Dehon ampliou de mil matriculados para dois mil, sendo considerado um dos maiores do Estado.